Texto para quem se sente desapontado com a vida

A Vida não me Desapontou Não, a vida não me desapontou! Pelo contrário, todos os anos a acho melhor, mais desejável, mais misteriosa… desde o dia em que vejo a mim a grande libertadora, a ideia de que a vida podia ser experiência para aqueles que procuram saber, e não dever, fatalidade, duplicidade!… Quanto ao […]

Como aprender a ver a vida? Lição de Nietzsche

Aprender a ver – habituar os olhos à calma, à paciência, ao deixar-que-as-coisas-se-aproximem-de-nós; aprender a adiar o juízo, a rodear e a abarcar o caso particular a partir de todos os lados. Este é o primeiro ensino preliminar para o espírito: não reagir imediatamente a um estímulo, mas sim controlar os instintos que põem obstáculos, que isolam. Aprender a ver, tal como […]

Quem não ama a solidão, não ama a liberdade

Nenhum caminho é mais errado para a felicidade do que a vida no grande mundo, às fartas e em festanças (high life), pois, quando tentamos transformar a nossa miserável existência numa sucessão de alegrias, gozos e prazeres, não conseguimos evitar a desilusão; muito menos o seu acompanhamento obrigatório, que são as mentiras recíprocas. Assim como […]

Nenhum amor é menos ridículo que outro, diz Kierkegaard

Temos, pois, que ao amor corresponde o amável, e que este é inexplicável. Concebe-se a coisa, mas dela não se pode dar razão; assim também é que de maneira incompreensível o amor se apodera da sua presa. Se, de tempos a tempos, os homens caíssem por terra e morressem subitamente, ou entrassem em convulsões violentas […]

Conceitos essenciais para uma introdução ao pensamento de Nietzsche

  Engana-se aquele que pensa que filosofia não serve para nada. Embrutecido está aquele que não conhece as tão belas ferramentas que podemos aplicar na atualidade. Muito do que acontece hoje, já foi pensado e refletido muitos anos atrás. Uma pena que com tanta frequência desprezemos isso.   Friedrich Nietzsche é material de nosso texto […]

Qual o motivo da nossa constante insatisfação perante a vida?

Se ocasionalmente nos ocupássemos em nos examinar, e o tempo que gastamos para controlar os outros e para saber das coisas que estão fora de nós o empregássemos em nos sondar a nós mesmos, facilmente sentiríamos o quanto todo esse nosso composto é feito de peças frágeis e falhas. Acaso não é uma prova singular […]

Tudo o que é sólido desmancha no ar

O fato básico da vida moderna, conforme a vê Marx, é que essa vida é radicalmente contraditória na sua base: De um lado, tiveram acesso à vida forças industriais e científicas que nenhuma época anterior, na história da humanidade, chegara a suspeitar. De outro lado, estamos diante de sintomas de decadência que ultrapassam em muito […]

Aquilo que somos contribui muito mais à nossa felicidade que aquilo que temos

Muitas pessoas ricas são infelizes porque carecem de qualquer cultura mental, de qualquer conhecimento e, portanto, de qualquer interesse objetivo que poderia qualificá-las para atividades intelectuais. Aquilo que a riqueza pode proporcionar, além da satisfação de certas necessidades reais e naturais, tem pouca influência sobre nossa felicidade propriamente dita; pelo contrário, esta é perturbada pelas […]

Nietzsche sobre a liberdade da razão

O Andarilho Quem alcançou em alguma medida a liberdade da razão, não pode se sentir mais que um andarilho sobre a Terra — e não um viajante que se dirige a uma meta final: pois esta não existe. Mas ele observará e terá olhos abertos para tudo quanto realmente sucede no mundo; por isso não […]

Quando o status de “superioridade” revela nossa inutilidade perante o universo

Nossas relações  estão cada vez mais complexas. Seriamos nós a geração cujo caos revoluciona, aprisiona ou paralisa? Diante da vastidão de informações muitas vezes desconexas, absurdas e de nossa facilidade em obter conhecimento, estaríamos preparados para tudo isso? Seriamos nós o produto da filosofia existencialista, vazios e solitários buscando cada qual preencher da sua forma […]